3 maneiras de aproveitar a psicologia positiva para ser mais resiliente

Algumas pesquisas sugerem que a psicologia positiva pode ajudá-lo a superar os altos e baixos da vida e, também, a criar resiliência para os momentos de maior dificuldade.

Aqui estão três maneiras de cultivar os benefícios da psicologia positiva:

Expressar gratidão
A gratidão é um apreciação gratuita pelo que você tem – uma casa, boa saúde e pessoas que se preocupam com você. Quando você reconhece a bondade em sua vida, começa a reconhecer que a fonte dessa bondade não depende exclusivamente de você. Dessa forma, a gratidão ajuda você a se conectar a algo maior do que sua experiência individual – seja com outras pessoas, natureza ou um poder superior.

Separe alguns minutos todos os dias e pense em cinco coisas grandes ou pequenas pelas quais você é grato. Escreva-as se quiser. Seja específico e lembre-se do que cada coisa significa para você.

Alavancar seus pontos fortes
Para colher os benefícios de seus pontos fortes, primeiro você precisa saber quais são eles. Infelizmente, de acordo com um estudo britânico, apenas cerca de um terço das pessoas tem uma boa compreensão de seus pontos fortes. Se algo lhe vem com facilidade, temos a tendência a nos acomodar e não identificá-lo como uma força. Se você não tem certeza de seus pontos fortes, pode identificá-los perguntando a alguém que você respeita e que o conhece bem, observando o que as pessoas o elogiam e pensando no que é mais fácil para você.

Certas forças estão mais intimamente ligadas à felicidade. Elas incluem gratidão, esperança, vitalidade, curiosidade e amor. Essas forças são tão importantes que valem a pena cultivar e aplicar em sua vida diária, mesmo que não surjam naturalmente para você.

Saboreie o “bom”
A maioria das pessoas está preparada para experimentar o prazer em momentos especiais, como um casamento ou férias. Por outro lado, os prazeres do dia a dia podem passar despercebidos. Saborear significa colocar sua atenção no prazer enquanto ele ocorre, apreciando, conscientemente, a experiência à medida que ela se desenrola. Apreciar os tesouros da vida, grandes e pequenos, ajuda a cultivar a felicidade.

Multitarefa é o inimigo de “saborear”. Por mais que tente, não pode prestar muita atenção a várias coisas. Se você estiver lendo o jornal e ouvindo rádio, durante o café da manhã, não terá o prazer que essa refeição pode proporcionar – ou do jornal ou programa de rádio. Se você está passeando com o cachorro por um caminho bonito, mas encarando mentalmente a lista de tarefas do dia a dia, está perdendo o momento.

***

Artigo originalmente publicado no site da Faculdade de Medicina da Universidade de Harvard livremente traduzido e adaptado por Mariana França.

Fonte: bemdoestar.org

Siga-nos e curta: